Copa da Ásia: Em jogo de cinco gols, o Catar se classifica para a grande final

Em jogo que teve absolutamente de tudo, o Catar eliminou o Irã, e vai defender o título na final

Irã x Catar entraram em campo para definir o último finalista desta edição da Copa da Ásia, e os cataris conseguiram levar a melhor nos minutos finais e vão defender seu título, em casa, diante de sua torcida contra a surpreendente e aguerrida seleção jordaniana, no próximo sábado, dia 10 de fevereiro.

Disputa de bola em partida entre Irã e Catar |Foto: Divulgação / X @Qatar2023en

O jogo começou com os iranianos indo para cima, buscando chegar a final, para tentar voltar a conquistar o título após 48 anos, e no primeiro ataque perigoso conseguiram abrir o placar.

A bola foi lançada na área em cobrança de lateral na direita, a defesa tirou parcialmente e na sobra, um dos grandes nomes iranianos na competição, Sardar Azmoun deu uma “meia bicicleta” de primeira e encobriu o goleiro Aissa Barsham, 1×0.

A resposta veio já no lance seguinte, em transição rápida, a bola foi lançada na esquerda, para Akram Afif, que conduziu em velocidade, se livrou da marcação e conseguiu finalizar, para defesa tranquila do goleiro Beiranvand.

As duas equipes tiveram chances de marcar, com os cataris um pouco melhores, tentando empatar mas tendo dificuldades em passar pela defesa, já na única chance clara do Irã dentro desses minutos posteriores ao gol, em jogada de contra-ataque, a bola foi tocada por Jahanbakhsh na área e Mehdi Taremi não conseguiu chegar a tempo para desviar para o gol.

Sardar Azmoun foi um dos destaques do Irã na Copa da Ásia |Foto: Divulgação / Instagram @iran_football_federation

Aos 17 minutos da primeira etapa, os “marrons” chegaram ao empate após a bola ser lançada da intermediária esquerda para Afif, que estava dentro da área, o camisa 11 dominou e tocou para trás, Abdulsallam chutou da meia lua, de primeira, a bola desviou na defesa e encobriu Beiranvand, 1×1.

Após o gol, os cataris se mostraram mais confortáveis no jogo e quase viraram a partida quando a bola foi lançada da defesa, iranianos não conseguiram cortar e na sobra, Afif dominou, conduziu em velocidade, finalizou para defesa parcial de Beiranvand, a bola voltou nos pés do camisa 11 catari, que tentou encobrir o goleiro, mas a bola foi por cima da trave.

Aos 42 minutos da primeira etapa, a insistência dos anfitriões em “furar” a defesa iraniana deu resultado, os defensores do Irã tentaram sair tocando, Ahmed Fathy tomou a bola e tocou na esquerda para Akram Afif, que limpou e finalizou com curva, fazendo um golaço, 2×1.

Os iranianos tentaram responder, mas a defesa conseguiu se sair bem e segurar a vantagem no placar.

Afif comemora seu gol na partida |Foto: Divulgação / Instagram @qfa

Aos 3 minutos do segundo tempo, enquanto os iranianos estavam atacando, um lance dentro da área gerou um pênalti polêmico.

Durante tentativa de lançar a bola na área, Saeid Ezatolahi finalizou em cima da defesa catari, a bola bateu no braço de Fathy, que estava junto ao corpo, mas após consulta ao VAR, o árbitro do jogo, o kuwaitiano Ahmad Alali confirmou a marcação da penalidade.

Na cobrança, o capitão da equipe, Alireza Jahanbakhsh bateu forte no meio do gol e empatou a partida para o Irã, 2×2.

Os donos da casa tentaram responder rápido e em boa jogada de contra-ataque, pela esquerda, Afif tocou para o meio, Abdurisag dominou com dificuldade, mas conseguiu se ajeitar para finalizar no gol, e obrigar o goleiro iraniano a fazer bonita defesa para evitar o gol de desempate.

Ainda no ataque, o Catar chegou em cobrança de escanteio ensaiada, Afif cruzou, a defesa cortou como pôde, a bola sobrou para Pedro Miguel, que cabeceou para o gol, a bola passou pelo goleiro Beiranvand, e foi tirada em cima da linha por Ezatolahi.

Jahanbakhsh marcou de penalti |Foto: Divulgação / Instagram @afcasiancup

Os cataris seguiram melhores, mas tiveram dificuldades para desempatar, quando pareciam cansados, os iranianos voltaram a ter boas chances mas pararam primeiro no goleiro Barsham, e depois na defesa.

Já nos minutos finais, em contra-ataque, a bola foi lançada da esquerda para área, a zaga afastou, Hatem finalizou, Almoez Ali recebeu de costas, girou e finalizou no canto de Beiranvand para garantir a vitória e classificação de seu país à final, 3×2.

Cataris celebram gol da vitória |Foto: Divulgação / Instagram @qfa

A grande decisão entre Jordânia x Catar acontece no sábado, dia 10 de fevereiro, ás 12:00, com transmissão dos canais ESPN e StarPlus.

Você já segue a gente nas redes sociais? Siga o @portalasiaon no InstagramTwitterTikTok e Facebook e fique ligado nas nossas atualizações!

Fontes: (1)  |Foto de Capa: Divulgação / X @QFA_EN

 

Veja também!