Copa da Ásia: Heung Min Son brilha, e a Coreia do Sul vai enfrentar a Jordânia nas semifinais

Em jogo eletrizante, a Coreia do Sul se classificou com golaço de Heung Min Son, e vai enfrentar a Jordânia,que eliminou o Tajiquistão

Dois bons jogos abriram as quartas de final da Copa da Ásia, com a Jordânia vencendo a surpreendente equipe do Tajiquistão, e no grande jogo do dia, a Coreia do Sul teve dificuldades para mandar a Austrália mais cedo para casa, mas contou com brilho de seu craque, Heung Min Son, para levar os “tigres asiáticos” para as semis.

Torcida da Jordânia durante jogo contra o Tajiquistão |Foto: Divulgação / Instagram @afcasiancup

Um gol foi o suficiente para levar a Jordânia para as semifinais e eliminar uma das “sensações” do torneio até aqui, o Tajiquistão.

Em partida dominada pelos jordanianos, quem teve a chance de gol mais clara foi o Tajiquistão, após lançamento vindo do meio campo, Mabatshoev dominou dentro da área, cruzou, a bola foi desviada no meio do caminho e acertou o travessão do goleiro Yazeed Abulaila.

Após criar várias jogadas sem a efetividade necessária para tirar o zero do placar, a Jordânia chegou ao gol da vitória na metade do segundo tempo, quando as equipes já não estavam levando tanto perigo aos goleiros.

A bola foi lançada na área em cobrança de escanteio, o jordaniano Abdallah Nasib cabeceou, a bola bateu no peito do defensor tadjique Vakhdat Khanonov e tirou as chances de defesa do goleiro Yatimov, 1×0.

Nos minutos finais a aguerrida seleção tadjique melhorou de desempenho e ensaiou uma reação, mas não conseguiu levar a decisão para o tempo extra, o goleiro da Jordânia, Abulaila, chegou a fazer grande defesa em chute de Shukurov, próximo ao final da partida, para garantir a classificação.

Seleção do Tajiquistão fez campanha surpreendente, eliminando os Emirados Árabes nas oitavas |Foto: Divulgação / Instagram @fft_official

No outro confronto, Coreia do Sul e Austrália fizeram um grande jogo para decidir o outro semifinalista da competição.

Os tigres asiáticos tomaram as primeiras ações do jogo, mostrando um futebol melhor do que havia mostrado na fase de grupos, chegando ao ataque em velocidade, mas perderam algumas chances claras ou pararam no goleiro Matthew Ryan.

Apesar de estarem atrás nos primeiros minutos, os australianos conseguiram aproveitar brechas defensivas dos coreanos e levaram perigo para o goleiro Hyeon-woo Jo, que precisou fazer uma difícil defesa, após boa finalização do artilheiro Craig Goodwin, para evitar a abertura do placar.

Depois do bom momento dos socceroos, os sul-coreanos voltaram a levar perigo e chegaram a abrir o placar quando Seol recebeu a bola na área e tocou para o goleador Hee-Chan Hwang empurrar para o gol, mas o árbitro auxiliar flagrou o camisa 22 adiantado, quando recebeu o lançamento, anulando o gol.

Hwang fez o gol de empate da Coreia do Sul |Foto: Divulgação / Instagram @thekfa

Os coreanos voltaram a mostrar brechas defensivas e após um erro da zaga, Goodwin “roubou” a bola, tocou na entrada da área para Metcalfe, que lançou Atkinson na direita,  após dominar, o camisa 3 tocou para Goodwin na entrada da área, que finalizou com força, sem chances de defesa para Jo.

Goodwin abriu o placar do jogo |Foto: Divulgação / Instagram @socceroos

No início do segundo tempo, os australianos tiveram a chance de “matar” o jogo, em boa jogada construída em velocidade e de bons toques de bola, que terminou em cruzamento na cabeça de Martin Boyle, Jo defendeu, soltou e no rebote, tirou o espaço e evitou o gol de Boyle, que ficou com a sobra.

Melhores no jogo desde o gol, os australianos não souberam garantir a vitória, mesmo construindo boas chances em jogadas velozes e toques de bola, que terminaram em defesas fáceis do goleiro sul-coreano ou em gols perdidos pelo ataque da equipe amarela e verde.

Nos minutos finais do jogo, os coreanos se lançaram ao ataque com todos os recursos e levaram perigo real ao gol de Ryan, se aproveitando de seu elenco mais técnico.

Já nos acréscimos de jogo, Heung Min Son, que fazia uma partida discreta recebeu, “balançou” na frente da defesa australiana e quando conseguiu invadir a área, foi derrubado por Lewis Miller, e o árbitro da partida, o omani, Said Al Kaf assinalou o pênalti.

Na cobrança, Hwang bateu forte, no ângulo, sem chances de defesa para o goleiro Ryan, garantindo o empate e adiando a decisão para a prorrogação.

Durante o tempo extra, a seleção australiana mostrou cansaço e deixou espaços para o crescimento da seleção coreana no jogo, que passou a “povoar” com mais frequência o campo defensivo dos “socceroos”.

O goleiro australiano precisou fazer grandes defesas e ia garantindo a ida para os pênaltis, até que no fim do primeiro tempo da prorrogação, Hwang foi derrubado e o juiz marcou falta, perto da linha da grande área, na cobrança, Son cobrou fechado, no canto esquerdo de Ryan fazendo um golaço, 2×1.

Os australianos não conseguiram reagir no segundo tempo da prorrogação e ainda se despediram com um a menos, depois da expulsão de O’Neill, por dar um carrinho que atingiu o jogador da Coreia, usando força desproporcional.

Son e Hwang fizeram os gols da vitória sul-coreana |Foto: Divulgação / Instagram @thekfa

A vitória sul-coreana marca a revanche da final de 2015, onde foram derrotados pelo mesmo placar pelos australianos, adiando o terceiro título, o país vive um jejum de 64 anos, tendo conquistado o continente pela última vez em 1960.

Autor do único gol dos tigres asiáticos na ocasião, Son se mostrou feliz por poder após 9 anos, vingar aquela derrota que lhe foi tão dolorosa, o craque declarou à imprensa coreana:

“Fiquei com o coração partido naquela época e mais do que qualquer outra pessoa porque perdi uma boa oportunidade. Esses jogos e experiências me deram a oportunidade de crescer como jogador de futebol e como pessoa”

Coreia do Sul x Jordânia decidem a primeira vaga na final no dia 6 de fevereiro, às 12:30, com a transmissão dos canais ESPN e da StarPlus.

E aí? Quem vai chegar na grande final do torneio?

Você já segue a gente nas redes sociais? Siga o @portalasiaon no InstagramTwitterTikTok e Facebook e fique ligado nas nossas atualizações!

Fontes: (1) (2)  |Foto de Capa: Divulgação / X @JordanFA

 

Veja também!